O prêmio da valise

por Nestor Lampros

————————-

Era um roubo esse da valise. Quem quer varizes? Pergunto na inflamação dos órgãos. Mas a noite é chegada e as pernas nem sempre são duas. São duras. E a valise carregava sentimentos, outridades, histórias no ínfimo, dinheiro.

 

Profundos e cuidadosos, para além dos céus em sua bigorna de usos. Valise que dói e que emperra as fontes das água digitais, na força voraz de termos. Quando a menina se achou molhada de sangue entre as pernas dos seus ventos.

 

Como saber se ela tinha morrido? Acho que achei no achado a deturpação dos dias. No meio das pernas a primeira menstruação. E nas varizes das mães a principal preocupação. Forte, assim, de ficar mais ocupadas do que preocupadas.

 

Mas a valise nas mãos do James foi um orfanato de palavras. Nas mãos de Jorge um ponto cego em obediências às referências. James queria ser West, porém era- lhe superior a armada de fragatas americanas – ele era de Dublin… Já o poeta Walt era um brancor no fundo da neve. James nunca tinha chegado na neve para elucidá-la. Já Jorge estava cego. E sua mulher sabia se conformar com os frios dos pés glaciais. Variava,  variavam no amor de quem não era santo…

 

E tudo se fez uma Arte Glacial. Arte esta que perguntava se os seres em comum eram os que ficavam. De Jorge a recitação; de Walt, o canto alto; de James a palavra-valise: dez mil dólares de prêmio coruscante do que se precisou para ser claro.

 

E quem ganhou o prêmio foi um Rosa à margem das apostas, que fez de sua Saga, aranha, e do Grande sertão, Veredas. (Quando a menina se enamorou por ele que era, ou foi, alguém mais parecido com Ninguém… E não, nunca recebeu um beijo sequer de volta.) Dez mil dólares que nasceram e viveram verduras, depois da valise…

Crédito de imagem: Paisagem citadina, também de Nestor Lampros.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: