REVEJO A TRISTE VALISE DO POETA FEDERICO

 

por  Pedro Du Bois

______________

 

História recontada

de cantos escuros

submersos aos tempos

recuperados

na estética

 

ética

forma de rememorar

personagens

abreviados de nós

 

o mito transfigurado na realidade

de sonhos transformados em nuvens

férteis na imaginação das crianças

 

o homem em marcha

canta

conta

refaz o caminho

 

refeito o trajeto, o tiro

que matou o poeta

 

o dia

e a noite se faziam escuros.

 

(de As Pessoas Nominadas)

Anúncios

3 Respostas to “REVEJO A TRISTE VALISE DO POETA FEDERICO”

  1. Antonio Campos Says:

    Lindo espaço socializado o que o deixa mais poético parabéns professor PEDRO que é pedra portanto rocha e baluarte dos que tentam seguir seus exemplos.

  2. Antonio campos Says:

    Bela poesia professor Pedro e que lindo esse espaço parabéns virei sempre.

  3. Antonio:

    É um prazer recebê-lo como leitor. Muito maior será tê-lo como colaborador. Envie-nos um trabalho. Converse com Pedro a respeito.

    Um abraço,

    Marco.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: