ORWELL e sua VaLiSe de iniciAÇÃO à GUERRA

 

por Pedro DU BOIS

_______________

 

Trazia na face o dilema de saber o indizível

e de não ser possível conviver com a dor

o cheiro da guerra mais que as feridas abertas

corpos estraçalhados em horríveis prisões

o sentido da vitória traduzido na escavação

fecha a paisagem e a não coragem de dizer

do fim e do começo como civilização

 

o ditador colocado como líder poder

e poderoso assecla: destruída vida

deixada de ser imposta na terra posta

arrasada no que lhe foi passado da história

 

o olhar triste das palavras desnuda a cena

empurra o tema como consciência da espera

e dos humores do tema e do tempo infeliz

em repetições de desgraçadas implicações

 

o fim de tudo iniciado naquele instante fila

em que a razão desarruma a vida e a violência

se impõe ao que escreve: estava escrita a derrota 

e a validade das palavras permanecem em verdades.

Imagem: collage por Marco Aqueiva a partir de fotograma de O Grande Ditador, de Charlie Chaplin, e de charge obtida em  http://atlasshrugs2000.typepad.com/atlas_shrugs/democrats_dhimmicrat/index.html

Anúncios

Uma resposta to “ORWELL e sua VaLiSe de iniciAÇÃO à GUERRA”

  1. Pedro Du Bois Says:

    Caríssimo Marco,
    como sempre, gracias pela divulgação. a ilustrão ficou ótima.
    estamos viajando, por isso a falta de contato, antes: mas, acesse o vidraguas e o literaturasemfronteira: o transformar o amanhã, da Tânia, está nos dois.
    abraços,

    Pedro

    ps: estou postando de um cyber, em porto alegre.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: