DapHne na VaLiSe

daphne_montagem

 

DAPHNE

por Pedro Du Bois

 

Na pedra desbastada

a mão do artista te trouxe

nua branca e singela

deusa das horas das letras:

a leveza com que te fizeste

ao destino desapegado em mármore

purificado na passagem

 

repousas na posição em que foste feita

sacralizada mulher desejada:

menina surges encantada na pedra

 

és Daphne e todos te reconhecem

és pedra e todos sabemos sobre teu ser

és mulher e a pedra consequente

se transmuda em noites do que não sei

 

és ressurgente e a sala te ilumina

no olhar e gesto com que afastas

a minha mão: havia um acordo

que não se repete e tu és pedra.

 

_________________

Arte:  collage por Marco Aqueiva à base de Chloe Pogson

www.elfwood.com

Anúncios

Uma resposta to “DapHne na VaLiSe”

  1. Pedro, querido Poeta!!!

    Que belas flores, que significantes palavras!
    Daphne uma mulher, uma história, um Poema que marca com “sísifas” pétalas as pedras ao longo do caminho…

    Abraços.

    Carmen Silvia Presotto
    http://www.vidraguas.com.br

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: